9 de março de 2012

Autor do Mês

José Bento Renato Monteiro Lobato (Taubaté, 18 de abril de 1882São Paulo, 4 de julho de 1948) foi um dos mais influentes escritores brasileiros do século XX. Foi um importante editor de livros inéditos e autor de importantes traduções. Seguido a seu precursor Figueiredo Pimentel ("Contos da Carochinha") da literatura infantil brasileira, ficou popularmente conhecido pelo conjunto educativo de sua obra de livros infantis, que constitui aproximadamente a metade da sua produção literária. A outra metade, consistindo de contos (geralmente sobre temas brasileiros), artigos, críticas, crônicas, prefácios, cartas, um livro sobre a importância do petróleo e do ferro, e um único romance, O Presidente Negro, o qual não alcançou a mesma popularidade que suas obras para crianças, que entre as mais famosas destaca-se Reinações de Narizinho (1931), Caçadas de Pedrinho (1933) e O Picapau Amarelo (1939).
O livro que lançou Lobato foi "A menina do narizinho arrebitado", em 1920, nunca reeditado, exceto em uma pequena edição fac simile em 1981, e hoje considerada uma obra rara tanto a primeira edição quanto a edição fac simile. A maioria das histórias de seus livros infantis se passavam no Sítio do Picapau Amarelo, um sítio no interior do Brasil, tendo como uma das personagens a senhora dona da fazenda Dona Benta, seus netos Narizinho e Pedrinho e a empregada Tia Nastácia. Esses personagens foram complementados por entidades criadas ou animadas pela imaginação das crianças na história: a boneca irreverente Emília e o aristocrático boneco de sabugo de milho Visconde de Sabugosa, a vaca Mocha, o burro Conselheiro, o porco Rabicó e o rinoceronte Quindim.
No entanto, as aventuras na maioria se passam em outros lugares: ou num mundo de fantasia inventados pelas crianças, ou em histórias contadas por Dona Benta no começo da noite. Esses três universos são interligados para a histórias e lendas contadas pela avó naturalmente se tornarem cenário para o faz-de-conta, incrementado pelo dia-a-dia dos acontecimentos no sítio.

6 comentários:

  1. Oi, Nati!
    Nunca li nada do Monteiro Lobato, pelo menos nada que eu me lembre haha, mas sempre tive vontade de ler alguma coisa do Sítio do Pica-Pau Amarelo :)

    Beijos,
    Bianca - Epílogos e Finais

    ResponderExcluir
  2. Aii que dez! Adoro esse quadro aqui no seu blog! Fico ótimo!
    Beijos!
    http://palomaviricio.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. E é tão bom saber que o grande Lobato nasceu aqui na cidade vizinha! kkkk
    Realmente um grande gênio e maravilhoso para a literatura brasileira! :D



    Beijinhos, Amanda Cristina.
    www.primeiro-livro.com

    ResponderExcluir
  4. Hey Nati!
    Admiro muito Monteiro Lobato (embora não tenha lido nada dele) rs. Esse homem marcou muito minha infância! rs

    Beijão
    http://manialiteraria.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Adorei a postagem, legal conhecer mais sobre esse autor que criou personagens incríveis que marcaram minha infância. Adora assistir Sitío! haha'

    Bj;*
    Naty.

    ResponderExcluir
  6. Monteiro Lobato foi um dos autores com que tive mais contato quando era criança... Adorava um livro de fábulas selecionadas por ele que eu tinha. Todo dia eu lia uma diferente :D

    Beijos
    aritmeticadaletras.blogspot.com

    ResponderExcluir

O blog está aberto para seus comentários :)
Gosto de saber se gostaram ou não do post!


Obrigada a todos que comentam por aqui ^^